Outros projectos

EntradaProjectos2010 Palmares Resort, Lagos
Erro
  • JUser: :_load: Não foi possível carregar o utilizador com o ID: 317

Palmares Resort, Lagos

Enquadramento: No decurso dos trabalhos de acompanhamento arqueológico efectuados na “Empreitada de Infra-Estruturas no Palmares Resort - Alameda de Palmares, Via Golfe, Caminho da Praia, Via das Encosta e Via do Hotel - 1ª fase”, foi identificada uma concentração de materiais arqueológicos (nomeadamente cerâmica comum e de construção), bem com alguma fauna malacológica, associados a blocos de pedra calcária. De forma a avaliar a ocorrência, procedeu-se à abertura de 4 sondagens de diagnóstico manuais de 2mx1m, distribuídas sobre os vestígios postos a descoberto.
Após a sua conclusão, optou-se por uma escavação em área.

Fase 5


Objectivos: Os trabalhos arqueológicos tiveram por objectivo a caracterização do sítio de Palmares 5.


Trabalhos: Numa primeira fase, procedeu-se à abertura de 4 sondagens de diagnóstico manuais de 2m x 1m. Na segunda fase efectuou-se a escavação em área de 167m2.


Materiais: O espólio cerâmico enquadra-se, na sua grande maioria, no conjunto das cerâmicas foscas e revelou falta de elementos característicos, embora algumas formas e pastas nos pareçam indicar produções com características de tradição medieval, arriscamos mesmo de tradição islâmica, designadamente os fragmentos de pastas bastante grosseiras e pouco depuradas, as panelas (?) decoradas com caneluras, os recipientes de pastas beje amareladas e com decorações em tons vermelhos e a negro, as telhas com decoração digitada e incisa, formando linhas onduladas e ziguezagues, ou mesmo o fragmento de aparente fabrico manual decorado com cordão plástico com linhas incisas. Embora avancemos com esta hipótese, o espólio revelou-se difícil de caracterizar, sendo um conjunto que pensamos poder corresponder a produções locais e de carácter regional, criando a ausência de elementos típicos.    


Resultados: Os trabalhos permitiram registar uma série de bases de muro, em pedra solta, organizados em fiadas arbitrárias, que apesar de relativamente danificados fariam parte de um mesmo complexo estrutural. Foi ainda possível registar os níveis de derrube (pedras e telhas) que cobriam contextos como o piso [05] e [05 A], também eles associados aos níveis de estruturas, nomeadamente ao muro com a UE [04]. Ainda que os dados sejam escassos, não só a existência de vários muros (ainda que sem ligação entre eles), de um possível pavimento, níveis de derrube, mas também analisando toda a área envolvente, parecem indicar que estamos perante uma área habitacional. Complexo muito provavelmente correspondente a pequeno casal, relacionado com actividades como a recolecção de moluscos na ria de Alvor, estando principalmente ligado à agricultura que se desenvolveria nos terrenos vizinhos.
Por outro lado, a localização num lugar elevado, próximo do litoral, com vista sobre a Ria de Alvor e perto da zona de serrania, assim como a proximidade de Palmares 5 a sítios arqueológicos de comprovada cronologia medieval islâmica levou-nos a aproximar Palmares 5 deste período histórico.

 

Fase 6


Data: Novembro de 2010


Enquadramento: Em linhas gerais os trabalhos permitiram verificar que a possível bolsa/silo não era mais que um nível de despejo, relativamente pouco espesso, que cobria um nível de pedra calcária, imbricada. Terá servido de base a uma antiga eira que se desenvolveria superiormente e cujo espaço é actualmente usado como esplanada. É ainda de destacar, no canto NE da sondagem, a presença de um muro/parede, com vestígios de reboco em uma das superfícies. Este elemento estrutural desenvolve-se sensivelmente NO/SE, não tendo sido possível, devido à pequena área intervencionada, a sua melhor caracterização.


Objectivos: Escavação arqueológica dos vestígios registados, de forma a se proceder à sua salvaguardar pelo registo para memória futura; proceder à sua caracterização e enquadramento cultural e cronológico.


Trabalhos: Escavação arqueológica de uma sondagem de 3m x 4m, numa área total de 12m2.


Materiais: Os materiais arqueológicos registados, são essencialmente compostos por artefactos cerâmicos: cerâmica comum, vidrada e de construção. A sua análise preliminar indicia um enquadramento em época moderna/contemporânea.


Resultados:
Os dados obtidos mostram que estamos perante uma provável ocupação de época moderna/contemporânea, associada possivelmente a estruturas de carácter rural. Contudo, o facto de a área intervencionada apenas conseguir registar uma pequena parte dos contextos associados à estrutura [103], não permite uma leitura clarificadora destes níveis.

Fase 7

Data: Agosto e Setembro de 2010


Enquadramento: Aquando da identificação dos vestígios, parcialmente afectados pelos trabalhos de construção da Alameda de Palmares, foi possível notar a presença nos depósitos que enchiam uma das fossas/silo uma grande quantidade de fauna malacológica, nos enchimentos da outra fossa/silo, de menores dimensões, foi possível registar algum material arqueológico, enquadrável na Pré-história recente (Neolítico final/Calcolítico).


Objectivos: Escavação arqueológica dos vestígios registados, de forma a se proceder à sua salvaguardar pelo registo para memória futura; proceder à sua caracterização e enquadramento cultural e cronológico.


Trabalhos: Escavação arqueológica de duas sondagens de 3m x 3m e 1,5m x 4m, numa área total de 15m2.


Materiais: Nos enchimentos das duas fossas intervencionadas foi possível na fossa 1 recolher abundante fauna malacológica, bem como alguns fragmentos de cerâmica medieval/moderna; na fossa 2 material cerâmico, pedra polida associados à Pré-história recente (Neolítico final-Calcolítico).      


Resultados: A intervenção permitiu perceber que estávamos perante duas fossas que apesar de muito próximas estariam relacionadas com épocas distintas: a fossa 1 associada a época medieval/moderna, possuindo uma grande quantidade de restos de fauna malacológica e alguns elementos cerâmicos; na fossa 2 foi possível recuperar algum espólio associado à pré-história recente – Neolítico final-Calcolítico (taças carenadas, pratos de bordo espessado, elementos de tear tipo placa; elementos de moagem, machado de pedra polida em anfíbolito).

 

Fase 8

Data: Novembro e Dezembro de 2010


Enquadramento: A escavação arqueológica deste vestígio permitiu perceber que estávamos perante uma bolsa/silo, registando-se nos seus enchimentos uma grande quantidade de fauna mamalógica, encontrando-se alguns destes elementos em conexão anatómica. A baixa quantidade de artefactos arqueológicos presentes nestes contextos, vem dificultar o seu enquadramento crono-cultural, contudo, o bom estado de conservação da fauna identificada, bem como o facto de se ter recolhido um mealheiro em cerâmica de cronologia moderna/contemporânea, leva a acreditar que provavelmente estamos perante um vestígio dessa época.


Objectivos: Escavação arqueológica dos vestígios registados, de forma a se proceder à sua salvaguardar pelo registo para memória futura; proceder à sua caracterização e enquadramento cultural e cronológico.


Trabalhos: Escavação arqueológica de uma sondagem de 2m x 2m, numa área total de 4m2.


Materiais: A escavação da estrutura em negativo tipo bolsa/silo, permitiu recolher nas camadas de sedimento que constituíam o seu enchimento, um conjunto alargado de fauna mamalógica. Sendo de sublinhar o bom estado de conservação do espólio faunístico recolhido. Bem como o facto de vários elementos osteológicos se encontrarem em conexação anatómica. Entre estes destaca-se o esqueleto de um canídeo que deverá estar completo. É ainda de sublinhar a grande quantidade de restos de roedores, provavelmente ratos. No que diz respeito a outros elementos artefactuais, referem-se a alguns fragmentos cerâmicos de difícil enquadramento crono-cultural, destacando-se um mealheiro inteiro, apenas fragmentado na ranhura, possivelmente com o intuito de se remover o dinheiro ai depositado. A sua tipologia parece indicar para uma cronologia Moderna/Contemporânea.


Resultados: Os dados recolhidos indiciam estarmos provavelmente perante uma bolsa escavada no substrato geológico de natureza branda, sendo o seu propósito final o enterrar uma série de animais. O bom estado de conservação da fauna recolhida, bem como o enquadramento cronológico do mealheiro recolhido nos níveis superiores, indica que o entulhar e o respectivo fecho da bolsa/silo terá se dado em época Moderna/Contemporânea. Contudo é de destacar a forma bem definida e cuidada da estrutura em negativo, o que poderá indicar uma utilização prévia como local de armazenamento.

Responsáveis pelo Projeto: Paulo Rebelo, Sara Simões e Vanessa Mata

btn facebook

  • BANNERlevantamentosNEW
  • BANNERprojetoseventos

Arquivo

Arqueologia no Bairro - Antigo Mercado de Belém

Arqueologia no Bairro - Antigo Mercado de Belém

Conferência Fortaleza de Nossa Senhora de Cascais - Vigia de Lisboa, Guarda de Cascais

Conferência Fortaleza de Nossa Senhora de Cascais - Vigia de Lisboa, Guarda de Cascais

Apresentação da 20ª edição impressa da Revista Al-Madan

Apresentação da 20ª edição impressa da Revista Al-Madan

Protocolo entre FCSH-UNL e Neoépica,Lda

Protocolo entre FCSH-UNL e Neoépica,Lda

Problemáticas da arqueologia urbana: a experiência da Neoépica

Problemáticas da arqueologia urbana: a experiência da Neoépica

Terramoto de Lisboa. Arqueologia e História

Terramoto de Lisboa. Arqueologia e História

O Povoado Pré-Histórico da Travessa das Dores

O Povoado Pré-Histórico da Travessa das Dores

I Encontro de Arqueologia de Lisboa

I Encontro de Arqueologia de Lisboa

Contextos Funerários da Idade do Bronze no sítio do Terraço das Laranjeiras - Vale do Sabor

Contextos Funerários da Idade do Bronze no sítio do Terraço das Laranjeiras - Vale do Sabor

Seminário Lisboa Subterrânea - Trajectos na Arqueologia Lisboeta Contemporânea

Seminário Lisboa Subterrânea - Trajectos na Arqueologia Lisboeta Contemporânea

Achados Arqueológicos do Carmo

Achados Arqueológicos do Carmo

Liceu Passos Manuel distinguido com o prémio Europa Nostra 2013 na área da Conservação do Património

Liceu Passos Manuel distinguido com o prémio Europa Nostra 2013 na área da Conservação do Património

Sistema de lavagem de material da Neoépica

Sistema de lavagem de material da Neoépica

A Neoépica no I Congresso de Arqueologia da Associação Portuguesa de Arqueólogos

A Neoépica no I Congresso de Arqueologia da Associação Portuguesa de Arqueólogos

Velhos e Novos Mundos. Estudos de Arqueologia Moderna.

Velhos e Novos Mundos. Estudos de Arqueologia Moderna.

Artigo da Neoépica na Cira Arqueologia nº2

Artigo da Neoépica na Cira Arqueologia nº2

Artigos da Neoépica na Revista PARC

Artigos da Neoépica na Revista PARC

A Neoépica no Congresso Internacional de Faiança Portuguesa

A Neoépica no Congresso Internacional de Faiança Portuguesa

Nas rotas do mundo - A Faiança Portuguesa (séculos XVI-XVIII)

Nas rotas do mundo - A Faiança Portuguesa (séculos XVI-XVIII)

Arqueologia nas Escolas

Arqueologia nas Escolas

1º Congresso Internacional de Faiança Portuguesa

1º Congresso Internacional de Faiança Portuguesa

«
»

Vale Frio, Aljustrel

2009
Vale Frio, Aljustrel

Travessa das Dores, Lisboa

2013
Travessa das Dores, Lisboa

Travessa da Pena, Lisboa

2012
Travessa da Pena, Lisboa

Travessa da Boa Hora à Ajuda 25, Lisboa

2013
Travessa da Boa Hora à Ajuda 25, Lisboa

Torre Velha 11 (Barragem da Lage), Serpa

2009
 Torre Velha 11 (Barragem da Lage), Serpa

Terraços do Carmo, Lisboa

2013
Terraços do Carmo, Lisboa

Terras do Javardo, Cascais

2014
Terras do Javardo, Cascais

Sistema de Abastecimento de Água do Município do Sardoal

2014
Sistema de Abastecimento de Água do Município do Sardoal

Rua Vítor Cordon, Lisboa (2ª Fase)

2015
Rua Vítor Cordon, Lisboa (2ª Fase)

Rua Vítor Cordon, Lisboa (1ª Fase)

2010
Rua Vítor Cordon, Lisboa (1ª Fase)

Rua Vieira Portuense, Lisboa

2013
Rua Vieira Portuense, Lisboa

Rua Ribeiro Sanches 67, Lisboa

2016
Rua Ribeiro Sanches 67, Lisboa

Rua dos Bacalhoeiros, Lisboa

2007
Rua dos Bacalhoeiros, Lisboa

Rua dos Bacalhoeiros 99-115A, Lisboa

2015
Rua dos Bacalhoeiros 99-115A, Lisboa

Rua do Salitre 122, Lisboa

2014
Rua do Salitre 122, Lisboa

Rua do Ouro 100, Lisboa

2014
Rua do Ouro 100, Lisboa

Rua do Jardim nº21, Lagos

2006
Rua do Jardim nº21, Lagos

Rua do Arsenal 60, Lisboa

2013
Rua do Arsenal 60, Lisboa

Rua Direita 14, Óbidos

2014
Rua Direita 14, Óbidos

Rua de Buenos Aires, Lisboa

2010
Rua de Buenos Aires, Lisboa

Rua das Escolas Gerais, Lisboa

2006
Rua das Escolas Gerais, Lisboa

Rua das Amoreiras 79/87, Lisboa

2014
Rua das Amoreiras 79/87, Lisboa

Rua da Adiça, Lisboa

2014
Rua da Adiça, Lisboa

Rua Covas do Carrascal 185, Cascais

2015
Rua Covas do Carrascal 185, Cascais

Rua Cândido dos Reis, Almada

2011
Rua Cândido dos Reis, Almada

Rua António Maria Cardoso, Lisboa (3ª Fase)

2013
Rua António Maria Cardoso, Lisboa (3ª Fase)

Rua António Maria Cardoso, Lisboa (2ª Fase)

2013
Rua António Maria Cardoso, Lisboa (2ª Fase)

Rua António Maria Cardoso, Lisboa (1ª Fase)

2010
 Rua António Maria Cardoso, Lisboa (1ª Fase)

Quinta Nova de Santo António, Carcavelos

2009
Quinta Nova de Santo António, Carcavelos

Quinta Nova 2, Évora

2008
Quinta Nova 2, Évora

Quinta de Cima, Colares(Sintra)

2014
Quinta de Cima, Colares(Sintra)

Pousada na Praça do Comércio, Lisboa

2014
Pousada na Praça do Comércio, Lisboa

Porto Torrão (1ªFase), Ferreira do Alentejo

2008
Porto Torrão (1ªFase), Ferreira do Alentejo

Porto Torrão (2ª Fase), Ferreira do Alentejo

2009
Porto Torrão (2ª Fase), Ferreira do Alentejo

Prospecção Intensiva no Baixo Sabor

2012
Prospecção Intensiva no Baixo Sabor

Pedreira nº 6346, Santarém

2010
Pedreira nº 6346, Santarém

Pedreira nº 5821, Porto de Mós

2009
 Pedreira nº 5821, Porto de Mós

Pedreira nº 5700, Porto de Mós

2009
 Pedreira nº 5700, Porto de Mós

Pedreira nº 5492, Santarém

2009
Pedreira nº 5492, Santarém

Pedreira de Vale da Mata, Alcanede

2013
Pedreira de Vale da Mata, Alcanede

Pedreira de Calcário Vale da Moita, Porto de Mós

2012
Pedreira de Calcário Vale da Moita, Porto de Mós

Pedreira Codorneiro nº 4, Alcobaça

2013
Pedreira Codorneiro nº 4, Alcobaça

Pedreira 5551, Porto de Mós

2012
Pedreira 5551, Porto de Mós

Parque de Estacionamento da Travessa da Memória, Lisboa

2010
Parque de Estacionamento da Travessa da Memória, Lisboa

Parque da Pena, Sintra

2006
Parque da Pena, Sintra

Parque de Estacionamento da Cidadela, Cascais

2006
Parque de Estacionamento da Cidadela, Cascais

Palmares Resort, Lagos

2010
 Palmares Resort, Lagos

Palácio de Monserrate, Sintra

2007
Palácio de Monserrate, Sintra

Palácio da Cidadela, Cascais

2009
 Palácio da Cidadela, Cascais

Palácio Conde-Barão de Alvito, Lisboa

2015
Palácio Conde-Barão de Alvito, Lisboa

Monte das Flores, Évora

2011
Monte das Flores, Évora

Moinho de Vento 20-1, Amadora

2008
Moinho de Vento 20-1, Amadora

Lugar do Valinho de Fátima, Ourém

2007
Lugar do Valinho de Fátima, Ourém

Largo dos Trigueiros, Lisboa

2011
Largo dos Trigueiros, Lisboa

Largo da Assunção, Cascais

2010
 Largo da Assunção, Cascais

Largo da Ajuda e Rua Azeredo Perdigão, Peniche

2007
Largo da Ajuda e Rua Azeredo Perdigão, Peniche

Instituto Hidrográfico de Lisboa

2006
Instituto Hidrográfico de Lisboa

Hotel Cais de Santarém (antigos armazéns Sommer), Lisboa

2014
Hotel Cais de Santarém (antigos armazéns Sommer), Lisboa

Fosso da Fortaleza de Nossa Senhora da Luz, Cascais

2011
Fosso da Fortaleza de Nossa Senhora da Luz, Cascais

Forte da Crismina, Cascais

2006
Forte da Crismina, Cascais

Figueiras 4, Serpa

2008
Figueiras 4, Serpa

Estudo Arqueológico SMAS, Sintra

2014
Estudo Arqueológico SMAS, Sintra

Estrada da Pena nº12, Sintra

2016
Estrada da Pena nº12, Sintra

Estrada da Pena nº 12, Sintra

2016
Estrada da Pena nº 12, Sintra

Escola Secundária Sá da Bandeira, Santarém

2009
 Escola Secundária Sá da Bandeira, Santarém

Escola Secundária Jácome Ratton, Tomar

2009
Escola Secundária Jácome Ratton, Tomar

Escola Secundária Diogo de Gouveia, Beja

2009
Escola Secundária Diogo de Gouveia, Beja

Escola Secundária de Alcácer do Sal

2009
Escola Secundária de Alcácer do Sal

Parque Urbano das Mercês, Sintra

2009
Parque Urbano das Mercês, Sintra

Entre Águas 5, Serpa

2008
Entre Águas 5, Serpa

Costa do Castelo 77, Lisboa

2015
Costa do Castelo 77, Lisboa

Corça 2, Serpa

2008
Corça 2, Serpa

Convento dos Capuchos – Tapada de D. Fernando, Sintra

2016
Convento dos Capuchos – Tapada de D. Fernando, Sintra

Construção da Nova Barragem do Alto Ceira, Pampilhosa da Serra

2013
Construção da Nova Barragem do Alto Ceira, Pampilhosa da Serra

Condomínio da Azinheira, Ferreira do Alentejo

2010
Condomínio da Azinheira, Ferreira do Alentejo

Cerro do Leiria, Tavira

2010
Cerro do Leiria, Tavira

Casa de Sta Maria, Cascais

2012
Casa de Sta Maria, Cascais

Caracterização Espeleo-Arqueológica da Pedreira Relvinha nº2 , Alcanede

2013
Caracterização Espeleo-Arqueológica da Pedreira Relvinha nº2 , Alcanede

Calçada dos Clérigos e Rua da Trindade, Sintra

2016
Calçada dos Clérigos e Rua da Trindade, Sintra

Calçada do Rio do Porto, Sintra

2013
Calçada do Rio do Porto, Sintra

Calçada do Garcia 26/32, Lisboa

2015
Calçada do Garcia 26/32, Lisboa

Beco dos Apóstolos, Lisboa

2013
Beco dos Apóstolos, Lisboa

Beco do Loureiro, Lisboa

2011
Beco do Loureiro, Lisboa

Aproveitamento Hidroeléctrico do Baixo Sabor

2012
Aproveitamento Hidroeléctrico do Baixo Sabor

Alto do Moinho Velho, Tires

2012
Alto do Moinho Velho, Tires

Alto do Cidreira, Cascais

2007
Alto do Cidreira, Cascais