Outros projectos

EntradaProjectos2009Porto Torrão (2ª Fase), Ferreira do Alentejo
Erro
  • JUser: :_load: Não foi possível carregar o utilizador com o ID: 317

Porto Torrão (2ª Fase), Ferreira do Alentejo

Após a 1ª Fase, em que se efectuou a decapagem mecânica da totalidade da área a intervir, seguida da execução de onze sondagens arqueológicas manuais, a 2ª Fase contou com a escavação manual de uma área de mais de 3000m2, dividida por três equipas distintas. À Neoépica couberam os Sectores 1 e 2, com uma área total de 980m2, bem como a finalização da escavação das estruturas negativas existentes nas sondagens V, VII, VIII e IX; ficando o Sector 3-Oeste a cargo da empresa Archeoestudos e os Sectores 3-Este, 4 e 6 a cargo da empresa Crivarque. Todas as equipas foram alvo de coordenação científica do Prof. Doutor António Faustino Carvalho.

No decurso da escavação dos sectores 1 e 2 foram identificados e registados quatro troços de fosso, correspondentes a duas estruturas distintas, as quais delimitariam o povoado. No seu interior surgem cerca de uma centena de estruturas negativas (fossas), bem como estruturas positivas (pétreas), estruturas de combustão e outros contextos de ocupação efectiva do sítio, marcados pela existência de materiais in situ, na sua maioria relacionados com actividades agrícolas e artesanais. A finalização das sondagens iniciadas na primeira fase dos trabalhos permitiu ainda, para além da identificação de um conjunto alargado de estruturas negativas, o registo de uma estrutura habitacional de forma sub-rectangular.

O conjunto da intervenção arqueológica em área realizada pela Neoépica nos sectores 1 e 2 e nas sondagens efectuadas durante a primeira e segunda fase permitiu a recolha de cerca de 430 contentores de material arqueológico, do qual se apresenta também o inventário.
O espólio cerâmico recolhido na segunda fase de intervenção arqueológica é constituído por mais de 3 toneladas de material, entre o qual encontramos numerosos exemplares de todas as tipologias comuns em cronologias do calcolítico, bem como algumas de tradição neolítica, sendo de salientar a existência entre o conjunto de diversas peças cerâmicas em excelente estado de preservação. De entre o espólio cerâmico contam-se mais de 20.000 fragmentos de bordo, 1.400 fragmentos de bordo com carena e cerca de 3.400Kg de fragmentos de bojos e fundos, que permitem uma aproximação bastante fidedigna ao panorama de recipientes cerâmicos utilizados por aquela população. Também de certo modo representativo da actividade desenvolvida naquela área do povoado será o conjunto formado pelos elementos de tear, com 387 placas e mais de 2.800 crescentes. Entre os contextos mais relevantes destacam-se os elementos cerâmicos recolhidos no forno da área G e aqueles relacionados com a cabana da Sondagem V, assim como os níveis de ocupação in situ das áreas H, I e J. Um outro ponto de interesse será o estudo aprofundado das peças cerâmicas campaniformes, bem como as análises químicas de pastas de forma a estudar técnicas de produção e proveniências. Encontramos assim um conjunto artefactual em qualquer caso merecedor de um estudo mais aprofundado, que permita ainda compreender de melhor forma os contextos em que se insere, uma vez que é sem dúvida o espólio cerâmico aquele que surge em maior frequência e que poderá fornecer maior manancial de dados para a interpretação do sítio arqueológico.


O mesmo se poderá dizer do conjunto lítico exumado, constituído por exemplares de pedra polida, lascada e afeiçoada, com mais de 4300 números inventariados. Surge entre o conjunto uma grande quantidade de elementos de moagem, com mais de 400 fragmentos, que contrasta com a escassez de artefactos de pedra polida (machados e enxós), num total de 41 peças, o que não se parece coadunar com uma prática agrícola intensa naquela área. Encontramos também um número elevado de lascas (1089) e núcleos (99), embora os instrumentos retocados surjam em número relativamente reduzido: 80 pontas de seta, 12 raspadores, mas apenas 4 exemplares de foicinhas ou lâminas ovóides. Uma questão que importaria explorar num estudo futuro, cruzando estes dados com aqueles recolhidos pelas restantes equipas. Outro contexto relevante seria a possível oficina de talhe identificada no depósito [1292] da área J, cujo estudo aprofundado poderá fornecer dados para a compreensão e dispersão das lascas e restos de talhe (uma vez que todos os elementos se encontram georeferenciados), bem como possíveis remontagens das peças líticas. Igualmente relevante será um estudo mais geral do conjunto em análise que vise a identificação de matérias-primas, tecnologia de produção, tipologia de utensilagem, etc.
No que concerne aos materiais osteológicos, considera-se de extrema relevância um estudo zooarqueológico, tanto mais que o conjunto de materiais exumados inclui não só uma grande quantidade de fauna com também uma grande variedade de espécies e contextos de proveniência. Desta forma, importaria utilizar algumas destas faunas tanto na datação dos seus contextos, como na compreensão dos modos de vida, alimentação e hábitos culinários da população que ali residiu, tal como a sua possíveis utilização em rituais mágico-simbólicos.
No que diz respeito aos materiais metálicos, verificamos existirem 76 números inventariados, entre eles alguns objectos de função definida que importaria analisar a composição e numerosos restos de escória. Encontramos ainda alguns contextos específicos de grande relevância, como as peças provenientes da Sondagem V (cabana), da área H (fossa [1166] com evidências de metalurgia) – onde se incluem também os fragmentos de cadinhos que, embora constituam material cerâmico estão intimamente ligados à produção metalúrgica -, da área J (camada [1292]) e, pelo seu carácter único, a serra recolhida na área E.

A importância do Povoado do Porto Torrão ultrapassa as fronteiras nacionais, revelando tratar-se de um dos mais importantes povoados de fossos da Península Ibérica.
O estudo monográfico previsto reveste-se assim de fulcral importância e necessidade, possibilitando a conjugação de toda a informação recolhida e a abordagem das problemáticas levantadas, sendo desta forma mais um contributo para o conhecimento deste período histórico.

Responsáveis pelo Projecto: Raquel Santos, Ana Vieira, Paulo Rebelo, Nuno Neto
Coordenação Científica: António Faustino Carvalho

Artigos relacionados:

- Intervenção Arqueológica em Porto Torrão, Ferreira do Alentejo (2008-2010): resultados preliminares e programas de estudos
- Contextos e Objectos Simbólico-Religiosos do Porto Torrão: os Ídolos e as Placas de Xisto

Vêr Também:
- Porto Torrão (1ª Fase)

btn facebook

  • BANNERlevantamentosNEW
  • BANNERprojetoseventos

Arquivo

Arqueologia no Bairro - Antigo Mercado de Belém

Arqueologia no Bairro - Antigo Mercado de Belém

Conferência Fortaleza de Nossa Senhora de Cascais - Vigia de Lisboa, Guarda de Cascais

Conferência Fortaleza de Nossa Senhora de Cascais - Vigia de Lisboa, Guarda de Cascais

Apresentação da 20ª edição impressa da Revista Al-Madan

Apresentação da 20ª edição impressa da Revista Al-Madan

Protocolo entre FCSH-UNL e Neoépica,Lda

Protocolo entre FCSH-UNL e Neoépica,Lda

Problemáticas da arqueologia urbana: a experiência da Neoépica

Problemáticas da arqueologia urbana: a experiência da Neoépica

Terramoto de Lisboa. Arqueologia e História

Terramoto de Lisboa. Arqueologia e História

O Povoado Pré-Histórico da Travessa das Dores

O Povoado Pré-Histórico da Travessa das Dores

I Encontro de Arqueologia de Lisboa

I Encontro de Arqueologia de Lisboa

Contextos Funerários da Idade do Bronze no sítio do Terraço das Laranjeiras - Vale do Sabor

Contextos Funerários da Idade do Bronze no sítio do Terraço das Laranjeiras - Vale do Sabor

Seminário Lisboa Subterrânea - Trajectos na Arqueologia Lisboeta Contemporânea

Seminário Lisboa Subterrânea - Trajectos na Arqueologia Lisboeta Contemporânea

Achados Arqueológicos do Carmo

Achados Arqueológicos do Carmo

Liceu Passos Manuel distinguido com o prémio Europa Nostra 2013 na área da Conservação do Património

Liceu Passos Manuel distinguido com o prémio Europa Nostra 2013 na área da Conservação do Património

Sistema de lavagem de material da Neoépica

Sistema de lavagem de material da Neoépica

A Neoépica no I Congresso de Arqueologia da Associação Portuguesa de Arqueólogos

A Neoépica no I Congresso de Arqueologia da Associação Portuguesa de Arqueólogos

Velhos e Novos Mundos. Estudos de Arqueologia Moderna.

Velhos e Novos Mundos. Estudos de Arqueologia Moderna.

Artigo da Neoépica na Cira Arqueologia nº2

Artigo da Neoépica na Cira Arqueologia nº2

Artigos da Neoépica na Revista PARC

Artigos da Neoépica na Revista PARC

A Neoépica no Congresso Internacional de Faiança Portuguesa

A Neoépica no Congresso Internacional de Faiança Portuguesa

Nas rotas do mundo - A Faiança Portuguesa (séculos XVI-XVIII)

Nas rotas do mundo - A Faiança Portuguesa (séculos XVI-XVIII)

Arqueologia nas Escolas

Arqueologia nas Escolas

1º Congresso Internacional de Faiança Portuguesa

1º Congresso Internacional de Faiança Portuguesa

«
»

Vale Frio, Aljustrel

2009
Vale Frio, Aljustrel

Travessa das Dores, Lisboa

2013
Travessa das Dores, Lisboa

Travessa da Pena, Lisboa

2012
Travessa da Pena, Lisboa

Travessa da Boa Hora à Ajuda 25, Lisboa

2013
Travessa da Boa Hora à Ajuda 25, Lisboa

Torre Velha 11 (Barragem da Lage), Serpa

2009
 Torre Velha 11 (Barragem da Lage), Serpa

Terraços do Carmo, Lisboa

2013
Terraços do Carmo, Lisboa

Terras do Javardo, Cascais

2014
Terras do Javardo, Cascais

Sistema de Abastecimento de Água do Município do Sardoal

2014
Sistema de Abastecimento de Água do Município do Sardoal

Rua Vítor Cordon, Lisboa (2ª Fase)

2015
Rua Vítor Cordon, Lisboa (2ª Fase)

Rua Vítor Cordon, Lisboa (1ª Fase)

2010
Rua Vítor Cordon, Lisboa (1ª Fase)

Rua Vieira Portuense, Lisboa

2013
Rua Vieira Portuense, Lisboa

Rua Ribeiro Sanches 67, Lisboa

2016
Rua Ribeiro Sanches 67, Lisboa

Rua dos Bacalhoeiros, Lisboa

2007
Rua dos Bacalhoeiros, Lisboa

Rua dos Bacalhoeiros 99-115A, Lisboa

2015
Rua dos Bacalhoeiros 99-115A, Lisboa

Rua do Salitre 122, Lisboa

2014
Rua do Salitre 122, Lisboa

Rua do Ouro 100, Lisboa

2014
Rua do Ouro 100, Lisboa

Rua do Jardim nº21, Lagos

2006
Rua do Jardim nº21, Lagos

Rua do Arsenal 60, Lisboa

2013
Rua do Arsenal 60, Lisboa

Rua Direita 14, Óbidos

2014
Rua Direita 14, Óbidos

Rua de Buenos Aires, Lisboa

2010
Rua de Buenos Aires, Lisboa

Rua das Escolas Gerais, Lisboa

2006
Rua das Escolas Gerais, Lisboa

Rua das Amoreiras 79/87, Lisboa

2014
Rua das Amoreiras 79/87, Lisboa

Rua da Adiça, Lisboa

2014
Rua da Adiça, Lisboa

Rua Covas do Carrascal 185, Cascais

2015
Rua Covas do Carrascal 185, Cascais

Rua Cândido dos Reis, Almada

2011
Rua Cândido dos Reis, Almada

Rua António Maria Cardoso, Lisboa (3ª Fase)

2013
Rua António Maria Cardoso, Lisboa (3ª Fase)

Rua António Maria Cardoso, Lisboa (2ª Fase)

2013
Rua António Maria Cardoso, Lisboa (2ª Fase)

Rua António Maria Cardoso, Lisboa (1ª Fase)

2010
 Rua António Maria Cardoso, Lisboa (1ª Fase)

Quinta Nova de Santo António, Carcavelos

2009
Quinta Nova de Santo António, Carcavelos

Quinta Nova 2, Évora

2008
Quinta Nova 2, Évora

Quinta de Cima, Colares(Sintra)

2014
Quinta de Cima, Colares(Sintra)

Pousada na Praça do Comércio, Lisboa

2014
Pousada na Praça do Comércio, Lisboa

Porto Torrão (1ªFase), Ferreira do Alentejo

2008
Porto Torrão (1ªFase), Ferreira do Alentejo

Porto Torrão (2ª Fase), Ferreira do Alentejo

2009
Porto Torrão (2ª Fase), Ferreira do Alentejo

Prospecção Intensiva no Baixo Sabor

2012
Prospecção Intensiva no Baixo Sabor

Pedreira nº 6346, Santarém

2010
Pedreira nº 6346, Santarém

Pedreira nº 5821, Porto de Mós

2009
 Pedreira nº 5821, Porto de Mós

Pedreira nº 5700, Porto de Mós

2009
 Pedreira nº 5700, Porto de Mós

Pedreira nº 5492, Santarém

2009
Pedreira nº 5492, Santarém

Pedreira de Vale da Mata, Alcanede

2013
Pedreira de Vale da Mata, Alcanede

Pedreira de Calcário Vale da Moita, Porto de Mós

2012
Pedreira de Calcário Vale da Moita, Porto de Mós

Pedreira Codorneiro nº 4, Alcobaça

2013
Pedreira Codorneiro nº 4, Alcobaça

Pedreira 5551, Porto de Mós

2012
Pedreira 5551, Porto de Mós

Parque de Estacionamento da Travessa da Memória, Lisboa

2010
Parque de Estacionamento da Travessa da Memória, Lisboa

Parque da Pena, Sintra

2006
Parque da Pena, Sintra

Parque de Estacionamento da Cidadela, Cascais

2006
Parque de Estacionamento da Cidadela, Cascais

Palmares Resort, Lagos

2010
 Palmares Resort, Lagos

Palácio de Monserrate, Sintra

2007
Palácio de Monserrate, Sintra

Palácio da Cidadela, Cascais

2009
 Palácio da Cidadela, Cascais

Palácio Conde-Barão de Alvito, Lisboa

2015
Palácio Conde-Barão de Alvito, Lisboa

Monte das Flores, Évora

2011
Monte das Flores, Évora

Moinho de Vento 20-1, Amadora

2008
Moinho de Vento 20-1, Amadora

Lugar do Valinho de Fátima, Ourém

2007
Lugar do Valinho de Fátima, Ourém

Largo dos Trigueiros, Lisboa

2011
Largo dos Trigueiros, Lisboa

Largo da Assunção, Cascais

2010
 Largo da Assunção, Cascais

Largo da Ajuda e Rua Azeredo Perdigão, Peniche

2007
Largo da Ajuda e Rua Azeredo Perdigão, Peniche

Instituto Hidrográfico de Lisboa

2006
Instituto Hidrográfico de Lisboa

Hotel Cais de Santarém (antigos armazéns Sommer), Lisboa

2014
Hotel Cais de Santarém (antigos armazéns Sommer), Lisboa

Fosso da Fortaleza de Nossa Senhora da Luz, Cascais

2011
Fosso da Fortaleza de Nossa Senhora da Luz, Cascais

Forte da Crismina, Cascais

2006
Forte da Crismina, Cascais

Figueiras 4, Serpa

2008
Figueiras 4, Serpa

Estudo Arqueológico SMAS, Sintra

2014
Estudo Arqueológico SMAS, Sintra

Estrada da Pena nº12, Sintra

2016
Estrada da Pena nº12, Sintra

Estrada da Pena nº 12, Sintra

2016
Estrada da Pena nº 12, Sintra

Escola Secundária Sá da Bandeira, Santarém

2009
 Escola Secundária Sá da Bandeira, Santarém

Escola Secundária Jácome Ratton, Tomar

2009
Escola Secundária Jácome Ratton, Tomar

Escola Secundária Diogo de Gouveia, Beja

2009
Escola Secundária Diogo de Gouveia, Beja

Escola Secundária de Alcácer do Sal

2009
Escola Secundária de Alcácer do Sal

Parque Urbano das Mercês, Sintra

2009
Parque Urbano das Mercês, Sintra

Entre Águas 5, Serpa

2008
Entre Águas 5, Serpa

Costa do Castelo 77, Lisboa

2015
Costa do Castelo 77, Lisboa

Corça 2, Serpa

2008
Corça 2, Serpa

Convento dos Capuchos – Tapada de D. Fernando, Sintra

2016
Convento dos Capuchos – Tapada de D. Fernando, Sintra

Construção da Nova Barragem do Alto Ceira, Pampilhosa da Serra

2013
Construção da Nova Barragem do Alto Ceira, Pampilhosa da Serra

Condomínio da Azinheira, Ferreira do Alentejo

2010
Condomínio da Azinheira, Ferreira do Alentejo

Cerro do Leiria, Tavira

2010
Cerro do Leiria, Tavira

Casa de Sta Maria, Cascais

2012
Casa de Sta Maria, Cascais

Caracterização Espeleo-Arqueológica da Pedreira Relvinha nº2 , Alcanede

2013
Caracterização Espeleo-Arqueológica da Pedreira Relvinha nº2 , Alcanede

Calçada dos Clérigos e Rua da Trindade, Sintra

2016
Calçada dos Clérigos e Rua da Trindade, Sintra

Calçada do Rio do Porto, Sintra

2013
Calçada do Rio do Porto, Sintra

Calçada do Garcia 26/32, Lisboa

2015
Calçada do Garcia 26/32, Lisboa

Beco dos Apóstolos, Lisboa

2013
Beco dos Apóstolos, Lisboa

Beco do Loureiro, Lisboa

2011
Beco do Loureiro, Lisboa

Aproveitamento Hidroeléctrico do Baixo Sabor

2012
Aproveitamento Hidroeléctrico do Baixo Sabor

Alto do Moinho Velho, Tires

2012
Alto do Moinho Velho, Tires

Alto do Cidreira, Cascais

2007
Alto do Cidreira, Cascais